Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

baú das alembranças

baú das alembranças

Aldeia do Monsanto 1993

monsanto.jpg

catedral.png

 

Há vinte e cinco anos atrás, com a minha mulher e os meus filhos com onze e quinze anos andei a passear pela zona. Monfortinho, Monsanto, Penha Gracia, Catedral Gótica de Proença a Velha, Senhora do Almortão, Gardunha, Estrela, Castelo Branco, Alcãntara, Caceres, etc, etc. A subida ao Castelo de Monsanto ficou famosa. Chegámos cerca da uma hora da tarde à aldeia a pensar-mos almoçar no primeiro restaurante que aparecesse. Népia. Era periodo de férias de Carnaval e as serras estavam cobertas de neve. Com os restaurantes apinhados até à porta não havia hipótese para uma pessoa quanto mais para quatro. Combinamos então visitar a Torre e as Ameias e na vinda para baixo tentar a sorte. Enquanto subíamos fomos considerando a situação falando sobre o assunto. Um indivíduo que estava encostado a uma porta de uma das casas ofereceu-se para nos fazer um almoço que dizia ele nos ia safar de uma tarde de fome. Aceitámos e até agradecemos a disponibilidade. Então o homem, passada cerca de uma hora trouxe-nos para a mesa quatro ovos mal fritos e queimados, muito mal encarados, uma panelinha de sopa que não era mais do que umas couves negras e mal cozidas com uma batata cozida, metade de uma broa de milho ressequida já com mais de uma semana e um jarro pequeno com vinho   que eu pensei seriamente que era vinagre para teperar qualquer coisa de tão azedo que estava. Quando nós vimos a repimpada refeição apeteceu-nos fugir do local mas lá comemos os ovos queimados com broa de milho ressequida com mais de uma semana porque a fome é negra, eu bebi  ou tentei bebermeio copo de vinho. Então peguntei-lhe o preço daquele almoço de príncepes e o homem disse que eram dois contos, aí então caiu-me tudo aos pés. Ainda estive para lhe pedir factura mas entendi que o culpado tinha sido eu. Ele foi mais um entre tantos daqueles que aproveitam das situações para arranjar uns trocos à conta dos turistas papalvos como eu.

Questões de racismo

Cá não será bem assim? Somos um bocado racistas mas disfarçamos mais olha que na maior parte dos países ocidentais o racismo é mesmo a sério e não disfarçam nem um bocadinho.
Eu estive a trabalhar na Alemanha, França, Bélgica e Holanda e à noite juntavamo-nos quatro ou cinco para irmos beber uma cerveja e havia colegas meus com bigode e cabelo preto que eram impedidos de se sentar por serem confundidos com turcos.
Lá ía eu como era mais claro e tinha bigode louro dizer sobretudo aos holandese que nós eramos portugueses. Assim até nos convidavam para a mesa deles. Principalmente na Alemanha são uns filhos da puta racistas que nem fazes ideia, mas os outros também. Alemães. franceses, holandeses e belgas e até espanhois, são racistas mas nó não somos melhores como gente. Digo-te eu que já trabalhei com essa gente toda.
Já trabalhei com polacos, árabes, jugoslavos, paquistaneses, afegãos, rusos africanos de vários países. Eu próprio só tive uma pega com um filho da puta francês que era um rafeiro. trabalhador nas obras e mais estúpido que um porco, mas em conversa levou que contar.
Como eu tenho um aspecto mais ocidental não tinha problemas de racismo mas vi muitos colegas terem, mas também à vezes punham-se a jeito. Eram javardos e depois ninguém os respeitava.
Nem imaginas o que é estares na Alemanha na Holanda ou na Suíça e deitares para o chão um maço de tabaco vazio, uma beata, ou escarrares para o chão ou mesmo atravessares fora da passadeira ou num semáforo vermelho. Havia colegas meus que o faziam sem qualquer problema depois era o caraças. Havia merda e da grossa. Em Colónia juntavamo-nos em grupo e havia alguns merdosos que só para provocar atravessavam fora das passadeiras e nos semaforos vermelhos  e depois ouviamos todos por igual.

Não que fizesse alguma mossa já que nunhum de nós falava uma palavra de alemão, mas eles sabiam bem os nomes que nos chamavam

Ver Mais
 
 
 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D